Casa de Liz

Empanadas argentinas com gostinho de Brasil.

Alfajores, Medialunas, Facturas.

Milanesas, Chimichurri

Uniforme da Casa de Liz, desenvolvido generosamente pela U!Dress - ​www.udress.com.br

saiba.

Casa de Liz - Cocina Argentina
Empanadas Argentinas, com gostinho de Brasil

Primeiro, a Casa de Liz foi um desafio. Depois foi um sonho. Hoje é uma realidade que se apresenta mais forte que tudo. Especialmente por ser um empreendimento que começou a partir de valores que são mais fortes e estão acima de qualquer crise: a família, a confiança, a generosidade e a amizade!

Nascida do desejo de preservar os valores e sabores que Karem Lis herdou de sua família com origens espanhola e argentina, a Casa de Liz ganhou concretude graças ao espírito empreendedor de Katia Fanticelli. Juntas, sócias e companheiras, decidiram imprimir ao negócio suas maiores heranças familiares: a receita de uma e o espírito lutador da outra.

Para Karem, a empanada que a mãe fazia servia como motivo de união e reunião de gente querida em torno da mesa – esse local sagrado onde se compartilham sabores, sorrisos e memórias.

As duas possuem formação na área de consultoria e produção cultural e entendem gastronomia como cultura, como manifestação e preservação de tradições, hábitos e costumes. Unir essa visão de mundo e mercado com o lado afetivo e gastronômico foi fácil. Mas deu trabalho como tudo na vida.

Hoje, com dois anos de atuação a Casa de Liz tem conquistado cada vez mais clientes com uma produção absolutamente diferenciada de tudo que se conhece no Brasil. 

O resultado: em dois anos, elas somam mais de 80 mil empanadas produzidas e distribuídas para clientes particulares, cafés, bistrôs e empórios. Gente que se fideliza pela qualidade, o sabor e, sobretudo, pela amizade!

experimente.

Saudável, sofisticada e muito saborosa.

São diversos sabores de empanadas doces e salgadas produzidas artesanalmente, com ingredientes frescos e sem aditivos químicos, massa superleve (que pode ser integral) e farto recheio.

Excelentes para o almoço, jantar, uma refeição rápida,um lanche da tarde, ou a qualquer hora do dia. Pode  ser uma ótima sugestão de cardápio para reuniões,  eventos corporativos e sociais.

 
Por serem consumidas com as mãos, não requerem o uso de talheres. 

Crédito das fotos, produzidas generosamente pelas empresas:

Fotógrafo: Alex Luis - www.alexsilvafotografia.com
Produção de objeto: Ritz Festa - www.ritzfestas.com.br

origem.

Afinal, de onde vem a empanada?

Assim como o mate e a parrillada, as empanadas fazem parte da alimentação diária e tradicional dos Argentinos. Cada província possui um estilo e maneiras diferentes de preparo da massa e dos recheios, assim como a forma do fecho, o que eles chamam de repulgue.

Em alguns casos, as empanadas acabaram levando o nome da região ou província de onde se originam, como é o caso da salteña, que vem da região de Salta, onde nasceu Juana Gorriti que, fugindo da ditadura argentina por volta de 1830, foi para a Bolívia onde passou a sustentar sua família com as populares salteñas.

Ao pé da letra, a palavra empanada (in-panis, in-panata) significa “encerrar um alimento em massa ou pão para depois ser assado”. Primeiro se recheavam pães com carnes ou vegetais para que pastores e viajantes tivessem um alimento que fosse prático e nutritivo. Com o tempo, começaram a surgir massas específicas para serem assadas envolvendo recheios diversos. 

Ao que se sabe, elas surgiram na Grécia há muitos séculos. Mas há similares em todas as culturas, dos won-tons chineses à esfiha do oriente médio, dos calzones italianos aos populares pasteis portugueses ou os cornish britânicos.

O fato é que as empanadas viajaram um bocado e foram parar na Espanha junto com os alfajores e outros alimentos do Meio Oriente, provavelmente durante os 700 anos de dominação árabe na Península Ibérica. Ali ficaram populares e se converteram em símbolo nacional, sendo a empanada galega a mais famosa. Daí, ainda viajaram por todo o Atlântico nos barcos dos conquistadores espanhóis para aportar en tierras de La Plata.

Cada país tem adaptado a empanada aos seus gostos e tem adicionado seus ingredientes regionais. Tendo uma origem comum, todas as empanadas da América têm um sabor especial, uma mais saborosa que a outra, por isso vale a pena provar todas elas, já que cada uma possui um sabor delicioso e especial no seu interior.

As empanadas da Casa de Liz trazem toda essa história, mas também se renderam a alguns sabores que agradam aos brasileiros e aos novos tempos! Das tradicionais de carne ou cebola às mais inventivas como integrais e lights.

Texto escrito por Gerson Steves, um de nossos clientes mais antigos e chef d’O Menor Restaurante de Sampa.